sábado, 6 de junho de 2015

Intervenções na vida




A vida é que nem uma viagem de carro. E dentro dela existem diversos tipos de passageiros.


  • Há os que sobem e descem porque chegaram ao seu destino. Por um interesse ou uma necessidade recorrem aos nossos serviços e satisfeita a mesma necessidade não se vêm mais na posição de beneficiar dos nossos serviços.


  • Há os que nos acompanham em todos os destinos pois gostam de estar conosco e confiam nos nossos serviços que recorrem ao mesmo até por prazer ou simplesmente para beneficiar da nossa companhia.


  • E há aqueles que vão e voltam quantas vezes poderem porque nós fizemos parte da sua caminhada.  Não se tratando de um interesse pois nos intervimos na sua vida como um meio físico parte da sua rotina diária.



Para qualquer que seja a pessoa, na tua vida és tu o motorista, és o dono do transporte, e és tu quem conhece o carro melhor do que ninguém. Logo tu sabes o que te faz bem e o que te faz mal e também sabes quem precisas para tornar a sua viagem agradável em todos os dias da tua vida. Seja astuto e dirija sempre a sua vida com prudência e muita cautela.

Sou o motorista da minha vida e se alguém desce é porque não precisa mais dos meus serviços ou precisa apenas de vez em quando.



Por isso seja mais tu em qualquer situação que confrontares, coloque o amor ao proximo na sua viagem e sempre que entrar ou sair alguem da sua vida olhe como um simples passageiro que pode ser temporário ou definitivo em toda a jornada..

Mesmo que haja imparcialidade, Todos devem ser tratados em função do que cada um representa na nossa carruagem da vida. Colocar pessoas em evidencia e entregar a elas a dependencia da nossa felicidade acaba por comprometer a nossa jornada pois se esta pessoa chegar ao seu destino ou por qualquer coisa que aconteça ela se sinta desconfortável no seu transporte deverá abandonar e  daí irá nascer em ti uma enorme barreira e que prejudicará o seguimento da tua viagem..

"A nossa felicidade não é responsabilidade dos outros".


By: Emerson JC Lourenço AKA Dalton

Boa Leitura
Enviar um comentário

Pesquisar neste blogue