terça-feira, 6 de outubro de 2015

Uma relação Duradoura


Olá pessoal, 

De volta a estrada. Enquanto agendamos os compromissos para o mês de Outubro, em jeito de ressaca, trago um conselho lindo de uma das senhoras que assinou o nosso diário feminino e vai para todos aqueles que desejam ter um parceiro ou já se encontram em uma relação conjugal.

Fiquem com a minha Amiga Mary...

Em vez de se prender aos defeitos, procure perceber as virtudes do seu amor. Com isso quero eu dizer que devemos amar até os defeitos do nosso parceiro, visto que ninguém é perfeito…Quem ama tudo suporta, tudo crê, isso até bíblico é!

Muitos de nós acham que é necessário encontrar a tal dita ’’alma gémea’’ para dar-se bem no amor, quando o grande segredo é cultivar hábitos diários que aprofundem a conexão.


Em todas relações sempre haverá discussões…Sim, eu disse sempre mas o problema não é a discussão ou desentendimento, e sim como vocês vão discutir o problema. É óbvio que com palavrões nada se resolverá…. ''Conflitos são inevitáveis, mas comportamentos como apontar o dedo na face do outro e ofender destroem o amor como se fosse ácido sulfúrico''


· Passo importante para resolver um desentendimento:
Resolver o problema e não procurar culpado (s)
Se fizerem esse passo para essa situação já terão conexão.
· Você cometeu algo e o (a) parceiro (a) não gostou?
Primeiramente, peça desculpas, analise o seu erro e ouça o que ele (a) tem a dizer a respeito… Estás chateado (a) com ela? Aceite as desculpas, acalma os nervos e conversem.
· Atitudes cooperativas, e não combativas, transformam a discussão em conversa, ou seja não importa o que aconteça, estamos no mesmo lado.

Para que uma relação afectiva seja duradoura é preciso ter em conta algumas regras básicas, dicas, que devem ser compreendidas e aplicadas no seu dia-a-dia. Experiência própria:

1.        Diga tudo ao seu parceiro
2.         Nunca traia
3.         Seja espontâneo (a)
4.         Comuniquem-se
5.          Ame-o (a)
6.          Confie
7.           Sejam melhores amigos
8.           Respeite-o (a)

Observações a seguir

· Tenha certeza de que estás com alguém que realmente ama. Não diga a si mesmo(a) que você vai estar com alguém para sempre só porque você gosta do jeito que seus olhos são ou do seu abdómen definido. Se a única coisa que vocês têm em comum é gostarem de queijo, pode ser uma boa forma de partilharem momentos talvez por toda a vida.


· A comunicação pode ser a chave. Embora no início possa haver apreensão nervosa, isso é tudo parte do jogo. Com o tempo, porém, você pode precisar ser totalmente franco (a) com alguém e permitir que ele (a) saiba como você se sente.


· Lembre-se de ter calma! Um relacionamento de longo prazo é algo para trabalhar, não é apenas dado a você. Apenas certifique-se de que nem você, nem seu/sua parceira (a) se sintam desconfortáveis com qualquer aspecto da relação em que se encontram e você vai ficar bem.


Por: Marieth Augusto (Mary Fotografa)

EM: O Diário Mais Feminino 


Enviar um comentário

Pesquisar neste blogue